Saúde de Jundiaí avança na informatização das UBSs

Publicada em 26/03/2019 às 15:36

Com 488 computadores, 37 nobreaks, 37 switches, 72 impressoras térmicas e 39 impressoras matriciais, a Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS) garante a informatização de todas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), Clínica da Família, Novas UBSs e ambulatórios de especialidades. O investimento, no valor de R$ 1,5 milhão, é derivado de emendas parlamentares e recursos do orçamento da pasta. O projeto prepara os serviços de saúde para a implantação do prontuário eletrônico, que agilizará o acesso às informações dos pacientes, concentrando resultados de exames, prescrições e histórico acessíveis para toda a rede de saúde.

A Companhia de Informática de Jundiaí é a responsável por desenhar a arquitetura do sistema que abrigará os prontuários eletrônicos dos pacientes da rede pública de saúde. Esse sistema deverá ser integrado ao banco de dados do SIIM – Sistema Integrado de Informações Municipais, onde estão todos os cadastros dos usuários SUS no município. As UBSs mantêm um banco de dados com o cadastro dos pacientes, informações sobre vacinas e medicamentos que estão tomando, porém, a anamnese das consultas ainda é feita em formulário impresso. Essa parte do sistema está sendo analisada junto com Datasus. As informações são sigilosas e precisam ser tratadas com critérios de segurança internacional.

Investimento passou de R$ 1,5 milhão

De acordo com o gestor da UGPS, Tiago Texera, a primeira etapa da informatização aconteceu em março de 2018, com a entrega de 240 equipamentos (computadores, switches e nobreaks). Nesta segunda etapa são mais 318 computadores. “A partir de agora os computadores começam a ser instalados nos consultórios. A instalação terá sequência nas próximas semanas. Em paralelo, estão em andamento as implantações das fibras ópticas, para levar a internet de alta velocidade, e, o desenvolvimento do sistema do prontuário eletrônico”, detalha.

Na Clínica da Família, a instalação já foi iniciada. De acordo com a gerente, Kênia Cely de Lima Almeida, informatização é o primeiro passo para a implantação do prontuário eletrônico, que reduzirá o trâmite de papel, facilitará os atendimentos, além de garantir controle do estoque de medicamentos usados pelos pacientes. Para Francivalda Soares Costas, 49 anos, que é hipertensa e faz acompanhamento na Clínica da Família, a informatização será um avanço para a população. “Com o computador no consultório, todos os médicos terão acesso às informações dos tratamentos dos pacientes. Facilita o atendimento”, comenta.

(Com informações e fotos da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Jundiaí)


Link original: https://cijun.sp.gov.br/2019/03/saude-de-jundiai-avanca-na-informatizacao-das-ubss/


Leia mais sobre , , , ,